O Blog da Storm

O Blog da Storm

Você pode navegar pela prateleira utilizando as teclas e

Sete Pecados!

14/02/2011

Os sete pecados capitais são os elementos utilizados na criação de garrafas de vinho da Rioja, Espanha.

O trabalho foi desenvolvido pelo Sidecar Studio, também espanhola.

A Storm achou as garrafas lindas!

 

Anúncios

Happy Valentine’s Day!

14/02/2011

Hoje, dia 14 de fevereiro, é Valentine’s Day ( algo como Dia de São Valentim). Uma versão do nosso Dia dos Namorados criada pelos ingleses – que tradicionalmente é comemorado aqui no dia 12 de junho. Lá fora, na verdade, é uma data para ser comemorada entre os amigos que você mais ama, não necessariamente só entre namorados.

Para a ocasião, a Moët & Chandon criou o kit ‘Tag your Moët’, que vem com uma garrafa rosa liiinda desse champagne delicioso + duas tacinhas + uma caneta dourada. A caixa – também rosa – explica: “escreva com todo o coração”. Você pode personalizar a garrafa com uma mensagem para quem vai dar de presente! De resto, é só deixar a imaginação fluir e curtir o momento com o felizardo ou felizarda…

PS- O mimo custa 120 dólares e estará à venda nos EUA e na Europa até hoje.

 

Moda + Cinema

11/02/2011

Uma devoção ao universo femenino levou Miu Miu a lançar uma série de filmes chamada The Miu Miu Womens’ Tales. Curtas, dirigidos por vários cineastas do sexo feminino que exploram suas idéias e fantasias sobre a marca. Zoe Cassavetes é a primeira a apresentar seu curta, The Powder Room, filmado no London Claridge Hotel. Como o título sugere, tudo se passa em um quarto de vestir, onde três (lindas) mulheres interagem enquanto fazem os retoques finais. E, aí, aparecem na tela as sutilezas do universo Miu Miu – os acessórios são de perder o fôlego (e esconder o cartão de crédito). Assista uma, duas, e quantas vezes quiser. Os outros nomes só serão revelados à medida em que seus filmes forem divulgados.

 



O Sonho de Louboutin

07/02/2011

A campanha de primavera/verão 2011 da Christian Louboutin está linda! E quem assumiu a campanha foi o fotógrafo Khuong Nguyen.

As imagens, que são uma mistura de design gráfico e fotografia, mostram os produtos em um “cenário” abstrato, como se estivessem dentro de um sonho.

Dá só uma olhadinha nessa campanha! Ficou linda, né?

Prada/ primavera-verão 2011

02/02/2011

Já faz um tempinho que queríamos postar esse vídeo da Campanha/ Prada Primavera Verão 2011 aqui no blog.

Nesta semana tivemos o prazer de ver mais uma vez o vídeo da campanha e resolvemos compartilhar de vez com vocês.

Acessórios vibrantes, óculos de borboleta e sapatos fabulosos são os protagonistas dessa campanha.

O vídeo é de uma simplicidade magnífica! E nós, da Storm, amamos!

Afinal, o menos é mais, né?

As estrelas da campanha: Mariacarla Boscono, Arizona Muse, Kinga Razjak, Zuzanna Bijoch, Tati Cotliar.
Fotografado por: Steven Meisel

Luxo acessível

02/02/2011

Logo que a Tiffany foi fundada, em 1837, as peças eram tão exclusivas que tinham numeração. Quando uma joia perdida chegava às lojas da grife, um funcionário a identificava e a devolvia para a casa do dono, pelo correio.

O símbolo de exclusividade inspirou a linha “Return to Tiffany”, que tem a peça mais “acessível” da grife, um pingente de prata cujo preço passa de duas centenas de reais. É o que a joalheria chama de luxo para todos.

O conceito de “luxo acessível” tem estimulado as manufaturas do segmento a ampliar promoções e parcelamentos e a desenvolver itens mais “baratos”, geralmente pequenos acessórios, que servem de porta de entrada para novos consumidores.

“A ideia é que todos possam consumir um produto Tiffany. E o consumo é uma experiência singular. Por R$ 215, a pessoa recebe um pingente na caixa azul e abre o laço de fita Tiffany, que nunca dá nó”, diz Sandro Fernandes, gerente-geral.

Há três meses, a Tiffany passou a parcelar as compras em até dez vezes. O limite, até então, era de três prestações.

O Brasil foi o primeiro país em que a joalheria permitiu dividir o pagamento. E hoje as duas lojas da marca em São Paulo são as únicas do mundo que parcelam as compras em até dez meses.

A Salvatore Ferragamo também ampliou o prazo de pagamento. As prestações em dez meses só eram permitidas nos dias que antecediam datas especiais, mas neste fim de ano a marca resolveu estender a promoção.

Para conquistar novos clientes, a Ferragamo prepara o lançamento de uma linha de sapatos mais “em conta”. “A gente se preocupa em atender esse cliente que quer vestir Ferragamo, mas procura preço um pouco melhor”, diz Mariana Nashalla, diretora da marca no Brasil.

ATRAIR OS JOVENS

A diretora de Marketing da Cartier no Brasil, Véronique Claverie, destaca que a crise econômica mundial motivou a marca a relançar a linha “Les Must de Cartier”, coleção com acessórios em couro, isqueiros e objetos coloridos. A linha havia sido criada na década de 1970 e, atualmente, é campeã de venda.

“Faz parte de uma estratégia global da Cartier atrair públicos novos, seja um público mais jovem ou um público que vai viver suas primeiras experiências com luxo”, afirma a diretora.

No Brasil, uma das estratégias é ampliar a presença em cidades menores. A intenção é instalar quiosques em lojas de revenda pelo país.

As grifes brasileiras H. Stern e Ricardo Almeida também miram os jovens.

O estilista que faz os ternos de Lula lançou há poucas semanas uma linha de jeans “para atingir o jovem que gosta de ir para a balada”. E a H.Stern reforçou os itens da linha MyCollection, que traz peças joviais, como um berloque em forma de caveira.

“Os jovens brasileiros não se preocupavam com design e com produtos exclusivos. Hoje eles têm essa preocupação”, diz Christian Hallot, “embaixador” da H.Stern.

Segundo ele, a joalheria tem procurado se adaptar ao jeito de consumir dos jovens.

“Em vez de comprar uma joia de R$ 2.000, eles preferem quatro de R$ 500.”

Fonte: Folha de S. Paulo

Nike personalizado

31/01/2011

Já repararam como o Japão é super democrático quando o assunto é moda? É só reparar como as pessoas se vestem, sempre com roupas coloridas e descoladas.

E foi em terras japonesas que a Nike inaugurou, a pouco mais de um ano, sua primeira “flagship Premium”, a NikeiD Generator.

A loja preza pela interatividade digital e usa uma ferramenta para criar o design de um tênis de acordo com a roupa que o cliente está vestindo, em tempo real. O cliente chega na loja e, diante de um espelho, ele posa pra uma foto. A máquina registra a imagem e filtrando as cores e analisando o look, ela cria um Nike personalizado de acordo com o que o cliente gosta de vestir.

Em seguida, essa imagem é impressa e o cliente pode decidir se quer ou não fazer o seu exclusivo par de sneakers.

Veja o vídeo explicativo mostrando o processo:

Conclusão: Cerca de 18 milhões de pessoas testaram a ideia em apenas quatro dias, sendo que 95% delas foram até a etapa final e levaram seus pares pra casa. Outras 40 mil pessoas baixaram o aplicativo para celular. Isso, num prazo de duas semanas.

Isso sim é criatividade, né?

Fonte: Descolex

Extensão de marca no mercado de luxo

26/01/2011

Caio Ribeiro, do Marketing na Web (blog bacanésimo sobre marketing e tendências do mundo do luxo), fala sobre a extensão de marca como estratégia de penetração de mercado. Como adoramos o tema e o artigo, resolvemos compartilhar na íntegra aqui com vocês.

PS – A propósito, pra quem não sabe, a STORM ID é uma agência mineira especializada em marketing e branding para o mercado de moda.

*************************

Todo mundo já viu, mas pouco se sabe como as empresas trabalham suas marcas fora do seu segmento. Quando uma marca de prestigio vislumbra entrar em novo setor, ela geralmente utiliza a extensão de marca como estratégia de penetração de mercado. A extensão de marca é muito utilizada para introduzir um novo produto, mas que ainda carrega todo o peso e herança de sua marca-mãe.
Essa extensão pode ser feita de três maneiras.
A extensão de linha é utilizada no lançamento de um novo produto, num segmento diferente, mas que esteja na mesma categoria de produtos produzida pela sua marca-mãe. Podemos utilizar como exemplo de extensão de linha, o perfume Dior J’Adore e outros perfumes que lançam juntamente com o seu perfume, um creme que acompanha a mesma fragrância. Esta é a maneira que as empresas encontram para que os consumidores continuem utilizando à mesma linha, dando novas opções de uso.
A extensão de categoria é utilizada pela marca-mãe para penetrar em um novo segmento de mercado. Um exemplo simples para entender esta extensão é a Ferrari.
A Ferrari é famosa pelos seus carros esportivos e exclusivos e hoje a montadora possui um mix de produtos em vários segmentos como: perfumes, calçados, roupas, artigos em couro e etc. Esta estratégia foi utilizada para dar uma nova dimensão à marca. A marca Ferrari é considerada um estilo de vida e toda a comunicação e o marketing utilizado esta focado em manter este estilo de vida.
Algumas empresas lançam também uma versão “junior” de suas marcas, visando atingir um público mais jovem, como é o caso da Armani com a Armani Exchange, a Prada com a Miu-Miu e a Versace com a Versus. Essas marcas rejuveneceram o seu público, oferecendo um mix de produto mais abrangente e mesmo sendo uma nova marca, ainda carrega toda a ligação e herança de sua marca principal. Esta extensão diminui os riscos e os custos, aumentando a cobertura de mercado e fortalecendo os valores e interesses pela marca.
Com estas estratégias, as marcas de luxo além de maximizar o alcance da sua marca, atingem outros segmentos, proporcionando um ganho de mercado e uma interação maior com o consumidor, este por outro lado, buscando proporcionar A EXPERIÊNCIA que somente sua marca, com excelência única, pode proporcionar.

 

A Belle Époque da Louis Vuitton

24/01/2011

A top brasileira Raquel Zimmermann estrela a campanha de verão 2011 da Louis Vuitton. O fotógrafo Steven Meisel providenciou, mais uma vez, as imagens de produtos que Marc Jacobs descreveu como “uma arte tão maravilhosa, fascinante e linda que nos deixa completamente hipnotizados.” As bolsas e acessórios de verão são coloridos e brilhantes, a cara da Belle Époque de Paris no século passado, com sua elegância alegre evocada pelo Moulin Rouge.

Embora o clima seja parisiense, as fotos foram feitas em um estúdio em Nova York. Contracenam com Raquel as tops Freja Beha Erichsen e Kristen McMenam, todas de cabelos presos e franjas lisas à moda dos anos 30. Vestidos longos de lurex e cheongsams de seda combinavam com enormes brincos que vão quase até o dorso. A elegância artificial exaltada por Jacobs nesta campanha contrasta totalmente com o marketing da coleção de inverno 2010, muito mais recatada. 8 ou 80!

 

 

Polaroid: The Impossible Project

20/01/2011

No início do clipe da música Telephone, Lady Gaga lembra Madonna-anos 90, com estilo blondie e figurino de couro. Ao encontrar a amiga Beyoncé (mais Thelma e Louise, impossível) em um cenário à la Roy Lichtenstein Gaga “saca” um objeto de desejo: uma câmera polaroid…

Amamos! As câmeras pararam de ser fabricadas no formato tradicional em 2008. Mas, três fãs fizeram toda a diferença: Bosman, Florian Kaps e Marwan Saba. Eles compraram a fábrica holandesa onde era produzida a câmera e deram um nome ao projeto de reerguê-la: The Impossible… No site deles você encontrará modelos de polaroid com design muito bacana.

Quer saber quem criará a linha especial da marca? Lady Gaga! A musa, aliás, declarou em uma entrevista estar animada: “finalmente, um emprego de verdade!”. A neodesigner até postou uma foto de seu cartão de visitas em seu Twitter – divertido!

%d blogueiros gostam disto: